Muito prazer

Minha foto

Comecei a vida em Santos e cresci educada de acordo com as tradicionais regras que, muitas vezes, envolvem o machismo brasileiro. Mudei. Fiz faculdade fora. Ganhei liberdade, responsabilidade e identidade. Hoje, com 32 anos, estou casada com um homem fabuloso e espero nosso primeiro filho. Um sonho de gente grande, mas que espero desde criança: o da maternidade. O assunto sempre me fascinou e hoje, me pego com o corpo começando a deformar e sintomas nada agradáveis. Sabe o bom da história? Dou risada de tudo! Da azia, das ânsias intermináveis, da fome colossal e do tanto de cremes de estrias que hoje povoam meu banheiro. Isso é somente a primeira fase. Tenho certeza que, depois desta gravidez, continuarei rindo de mim mesma por inúmeros motivos, inclusive por me pegar em diversas situações que jamais imaginei passar.

domingo, 1 de novembro de 2009

08 de outubro

Um mês depois de fatídico dia. Conformada e acostumada a nova velha rotina. Acordo preocupada. Na verdade, bem verdade mesmo, feliz. Dá para ficar preocupada e feliz ao mesmo tempo? Dá. Minha menstruação atrasou. Era para ter descido dia 05 e já era dia 08. Motivo suficiente para eu pegar o Clearblue do armário (sim, eu já tinha em casa justamente para um momento como este). Nem precisou fazer tanto xixi. Logo so sinais apareceram: POSITIVO. Gritaria em casa as 06h30 da manhã!! Buga! Amor, vem ver!!!
Ele: tem certeza?
Eu: Olha só! Tenho sim! Compare os desenhos da caixa do teste com o que aconteceu aqui!
Ele: É verdade!
Claro que fui atrás do tal exame Beta HCG. POSITIVO também.
Definitivamente foi um dos melhores momentos da minha vida. A euforia minha foi tanta que não consegui ficar quieta. Contei para todos no mesmo instante. E não faltaram cumprimentos, lágimas e sorrisos. Acho que a partir desde 08 de outubro, a vida de muita gente mudou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário